Category: Técnicas Radiográficas

Padronização do Estudo Radiográfico da Cintura Escapular

Comparação entre Dois Métodos de Posicionamento para Realização do Raio X e sua Repercussão na Avaliação da Cifose Torácica Utilizando o Método de Cobb e no Equilíbrio Sagital

Comparação entre Dois Métodos de Posicionamento para Realização do Raio X e sua Repercussão na Avaliação da Cifose Torácica Utilizando o Método de Cobb e no Equilíbrio Sagital

Autores: Carlos Henrique Maçaneiro; Ricardo Kiyoshi Miyamoto; Rodrigo Fetter Lauffer; Luciano Leandro Martins.

INTRODUÇÃO: o tratamento da cifose torácica é baseado na aferição da magnitude da curva baseada em mensurações radiográficas, e proporcionar o correto equilíbrio sagital pela correção cirúrgica de uma gibosidade é de importância fundamental. OBJETIVO: análise radiográfica prospectiva do efeito da variação da posição dos braços sobre a aferição da cifose torácica e do equilíbrio sagital entre pacientes com idades pré-estabelecidas. MÉTODOS: foram realizadas radiografias na posição lateral da coluna vertebral utilizando-se dois métodos posicionais: posição 1, em que o paciente permanecia de pé, com os joelhos juntos, pés alinhados com os ombros, cabeça reta direcionada para a frente, braços estendidos a 90º em relação ao tronco, mantendo os membros superiores estendidos e paralelos ao chão; uma segunda radiografia foi obtida com o paciente de pé, com os joelhos juntos, pés alinhados com os ombros, cabeça reta direcionada para a frente, com os cotovelos fletidos e os dedos repousando sobre a fossa supraclavicular bilateralmente. Os braços devem formar um ângulo de aproximadamente 45º com o corpo. Foram mensurados os ângulos de Cobb e o equilíbrio sagital nas duas radiografias. RESULTADOS: não houve correlação entre a posição dos braços, os valores angulares de Cobb e o equilíbrio sagital. CONCLUSÃO: em nosso trabalho, observamos que a posição dos braços (90º versus 45º), não interfere estatisticamente no valor da cifose torácica e na variação do equilíbrio sagital.

Para visualizar e baixar o artigo completo acesse:

MAÇANEIRO, Carlos Henrique; et. al. Comparação entre Dois Métodos de Posicionamento para Realização do Raio X e sua Repercussão na Avaliação da Cifose Torácica Utilizando o Método de Cobb e no Equilíbrio Sagital. Coluna/ Columna, São Paulo, v. 9, n. 4, p. 363-369, dez. 2010.
(Tamanho: 650 KB)

Artigos relacionados:

Escanometria dos Membros Inferiores: Revisitando Dr. Juan Farril

 

Escanometria dos Membros Inferiores - Revisitando Dr. Juan Farril

Autores: Henrique Zambenedetti Werlang; Gabriel Antônio de Oliveira; Ana Maria Tamelini; Ben Hur Madalosso; Francisco da Silva Maciel Júnior.

A escanometria pelo “método de Farill” é exame rotineiro na maioria dos serviços radiológicos. Ela permanece, há mais de meio século, como um método amplamente utilizado para diagnóstico da diferença entre os membros inferiores e seu respectivo tratamento pelos especialistas de diversas áreas. Contudo, detalhes na técnica do exame e na avaliação das medidas costumam ser ignorados ou negligenciados, comprometendo o resultado final. Este trabalho tem por objetivo divulgar os detalhes preconizados pelo autor, restaurando a precisão do método, bem como discuti-lo em relação aos demais métodos.

Para visualizar e baixar o artigo completo acesse:

WERLANG, Henrique Zambenedetti. et. al. Escanometria dos Membros Inferiores: Revisitando Dr. Juan Farril. Radiologia Brasileira, São Paulo, v. 40, n. 2, p. 137-141, mar./ abr. 2007.
(Tamanho: 200 KB)

Artigos relacionados:

Artigos da mesma fonte: